Catástrofe maior é se achar único em um pequeno espaço. A mentalidade mundana se esvai por brechas lascadas pelo tempo e pela falta de senso. As almas se isolaram e estão imaculadas pelos desejos sórdidos nessa imensidão vazia. E as capacidades de compreensão estão desfalecidas de tanta emoção. O alimento é fraco, o sono é doentio, o pensamento é caracterizado pelo egoísmo interpessoal. A rua deserta de um corpo flácido, em suas questões práticas, não procura um fim, nem um ponto fortificante, porém apenas deita e rola pelo mortal declive. Interessante seria nascer sem boca para que então apenas os olhos falassem e os lábios não pudessem mentir. Captar energias seria um novo caminho para a humanidade. Por questões específicas, as maiores falácias são interpeladas por corpos ardentes e equivocados a procura de favores. Se quiser, pode ficar sentado aí achando graça, confuso ou encolerizado pela profundidade do problema. A palavra chave é: sofisma.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s